Confira as tendências para o boi gordo e para a carne bovina

Em São Paulo, o preço médio do boi gordo acumula alta de 2,6% nos últimos 30 dias, mas recuo de 3,5% no acumulado de janeiro a junho de 2020, de acordo com a consultoria Cogo – Inteligência em Agronegócio.

“A reação dos preços do boi em junho decorre do quadro de oferta restrita, firme demanda externa, do retorno gradual de algumas atividades comerciais no país e do afrouxamento da quarentena em algumas regiões.

Em algumas regiões pecuárias, as escalas de abate estão mais curtas, resultado da retenção de bovinos nas pastagens, que ainda apresentam boas condições.

As exportações totais de carne bovina (in natura e industrializada) cresceram 9,1% entre janeiro a maio de 2020, quando comparados ao mesmo período de 2019.

Saiba mais no relatório completo da Cogo. Navegue deslizando para o lado!

 Fonte: https://www.canalrural.com.br/